Braga
253 609 980
Lisboa
218 949 025

Notícias

Fique atento às últimas notícias do Instituto PME

Desde 2009 o Instituto PME Formação lança estudo abrangente sobre as necessidades formativas. O referido estudo procura focalizar as regiões de abrangência do trabalho do IPME numa óptica de leitura não apenas dos resultados já alcançados mas sobretudo das tendências, e das especificidades que os beneficiários esperam dos planos futuros.

Está em aberto a recolha de dados reportados ao ano de 2010/11 e ainda as perspectivas para 2012.

A recolha de dados será feita a dois níveis:
a) Pessoas colectivas
b) Pessoas singulares.

Este questionário visa conhecer de forma aprofundada quais as áreas de formação, locais, horários, bem como ás áreas formativas.

O presente questionário pretende conhecer o histórico mas essencialmente o que as empresas pretendem para 2011/12.


O estudo é conduzido pelo INSTITUTO PME FORMAÇÃO e é da responsabilidade e orientação de Lurdes Mota Campos, Directora de Formação do Instituto PME Formação.

Relacionado: http://www.surveymonkey.com/s/ipmepessoascolectivas
e
http://www.surveymonkey.com/s/ipmesingulares

No seguimento do trabalho desenvolvido no ano de 2009, foi lançado o questionário de diagnóstico de formação para todos as empresas.
Este questionário visa conhecer de forma aprofundada quais as áreas de formação, locais, horários, entre outros, que as empresas entendem estar mais carenciadas na qualificação dos seus colaboradores.
O presente questionário pretende conhecer o histórico mas essencialmente o que as empresas pretendem para 2010/11.

O estudo é conduzido pelo INSTITUTO PME FORMAÇÃO e é da responsabilidade e orientação de Lurdes Mota Campos, Directora de Formação do Instituto PME Formação.

O estudo levado a cabo em 2009 já se encontra disponível do site "Histórico - perspectivas futuras. A formação vista pelas empresas e pelos formandos.
O Estudo que foi editado em 2009 contou com o contributo de 916 pessoas singulares e 325 empresas.

De acordo com a regulamentação do Código de Trabalho, as empresas são obrigadas a cumprir com as 35 horas de formação para com os seus colaboradores. Contudo, a recente introdução do relatório único torna esta exigência mais actual já que em 2011 as empresas serão obrigadas a reportar essa informação. Link Relacionado: http://www.surveymonkey.com/s/ipmepessoascolectivas



IPME
Direcção Técnica

Subcategorias

 

cheque formação jpg

Incentivo

Candidaturas Abertas!

 

O "Cheque Formação" visa o reforço da qualificação profissional, de ativos e desempregados, dotando-os de competências para serem mais competitivos no mercado de trabalho.

 

Quem se pode candidatar: 

?         A TÍTULO INDIVIDUAL – ativos e desempregados (inscritos no IEFP), beneficiários diretos da formação;

?         ENTIDADES EMPREGADORAS, relativamente aos seus trabalhadores.

 

Apoios Financeiros:

 

?         Ativos empregados 50 h de formação | 175 €

?         Desempregados 150 h de formação | 500 €*

(Os desempregados poderão ainda beneficiar de bolsa de formação, subsídio de refeição e despesas de transporte)

 

A IPME é uma entidade formadora certificada pela DGERT, habilitada para ministrar a formação ao abrigo do "cheque formação". Consulte a lista de ações de formação da IPME.

 

A IPME trata do seu processo/candidatura Cheque-Formação.

 

Aposte na sua qualificação e/ou na qualificação dos seus colaboradores.

 

Para mais informações contacte-nos.

www.ipme.pt , 253 609 980, 961 554 003, Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..